SÉ CATEDRAL DE BISSAU

Nossa Senhora da Candelária

Mensagem de boas-vindas: O Pároco Frei Victor Quematcha

O PÁROCO

Foto do parco

Frei Victor Luís Quematcha

Carissimos irmãos e irmãs em Cristo,

Saudaçoes amigas de paz e bem!

Ha mais de um ano que nossa igreja diocesana se está a preparar para viver um momento especial da sua história. Com efeito, no quadro do quadragésimo aniversário da criação da Diocese de Bissau, que terá lugar no próximo ano, D. José Câmnate na Bissign desejou, antes de mais, que cada cristão desta nossa amada terra desse graças a Deus pelo dom do Evangelho anunciado a este povo. De facto, a Igreja está realmente a crescer na Guiné-Bissau.

O nosso Bispo quer também que avaliemos, diante de Deus, a maneira como este anúncio tem sido feito e recebido. Será que o Evangelho se incarnou realmente na nossa cultura?

Finalmente, o nosso Pastor convida-nos a abraçar novos caminhos que nos conduzam sempre em direção ao nosso próximo, fazendo de todos nós testemunhas do Amor.

O nosso Bispo quer que todos os fiéis participem ativamente na vida da nossa Igreja, já que a evangelização não é apenas uma tarefa dos sacerdotes, das pessoas Consagradas e de alguns leigos. A obra evangelizadora é uma missão confiada a toda a igreja. Por conseguinte, somos todos portadores do dom do Evangelho. Mas como levar o Evangelho a todos? Devemo-nos servir de todas as técnicas humanas que facilitem o encontro e o diálogo com o outro. Aliás, o Papa Paulo VI, no decreto “Inter Mirifica”, de 04 de Dezembro de 1966, afirma que “a Igreja católica, fundada por Nosso Senhor Jesus Cristo para levar a salvação a todos os homens, e por isso mesmo obrigada a evangelizar, considera seu dever pregar a mensagem de salvação, servindo-se dos meios de comunicação social, e ensina aos homens a usar rectamente estes meios”.

Por isso mesmo e para que possamos implicar todos os fiéis desta comunidade paroquial, e não só, nesta nobre missão da evangelização, decidiu-se criar um site, onde cada um de nós poderá acompanhar a vida da Igreja universal, da Igreja da Guiné e da nossa própria Comunidade.

Com este instrumento, que substituirá consequenbtemente o nosso boletim paroquial “Encontro”, queremos que o Evangelho chegue a todos e que entre em cada casa e no coração de cada pessoa humana. Nosso maior desejo é que cada um de nós sinta que é membro desta família de Deus.

Em meu nome próprio e em nome dos frades, das Irmãs e do conselho pastoral paroquial, aproveito esta ocasião para agradecer a cada um de vós toda a colaboraçao e disponibilidade que já vem dando regularmente e que certamente irá continuar a dar no futuro.

Que Deus abençoe a nossa terra!

Que Deus abençoe a nossa Igreja!

Que, por intercessão de Nossa Senhora da Candelária, Deus abençoe a nossa comunidade paroquial!

Assinatura do Parco